Segunda-feira, 18 de Setembro de 2006

Boa Atitude

 

ASSOCIAÇÃO para ACOLHIMENTO
e RECUPERAÇÃO   PSICOSSOCIAL
INSTITUIÇÃO PARTICULAR, SEM FINS LUCRATIVOS - Cont. N.º 505 705 060
 
- Criar espaços para o acolhimento e para o desenvolvimento de apoio a grupos alvo de exclusão social : seropositivos, toxicodependentes, ex-reclusos.
- Reabilitação de comportamentos desviantes, originados pelas vivências negativas, factores de exclusão social, ou seja: mudança de hábitos, costumes e vícios
- Motivar e desenvolver competências pessoais e profissionais, tendo em vista a criação e consolidação de iniciativas empresariais e de emprego, em prol de uma reinserção social com êxito.
 
Sede: Rua do Robial, n.º 176       
4910– 245 Moledo - Caminha     
E-mail: boa.atitude@sapo.pt
 : 258 922 500  : 96 46 92 62 0
 
O que queremos fazer na , é promover a cidadania dessas pessoas, popularmente diz-se: “dar-lhes uma cana e ensinar-lhes a pescar”.

 

publicado por Associação Boa Atitude às 22:17
link do post | comentar | favorito

IX - Horários

 IX - Horários
08,00 H                                                                 Despertar
08,30 H·                                                              Pequeno-almoço
09,00 H·                                                                             Limpezas
10,00 H·                                                                      Iniciar Actividades
12,00 H·                                                                      Arrumar Actividades
13,00 H·                                                                                          Almoço
15,00 H·                                                                      Retomar Actividades
18,00                                                                    Arrumar Actividades
18,30 H·                                                           Higiene Pessoal, Duche
20,00                                                                              Jantar
21,00 H·                                               Programação semanal
23,00                                               Recolher, Deitar
publicado por Associação Boa Atitude às 22:15
link do post | comentar | favorito

VIII - Espaço físico do centro de acolhimento:

VIII - Espaço físico do centro de acolhimento
 
3 Quartos          (1º andar), 1 responsáveis, 2 utentes.
2 Salas,             (R\c.) refeitório e sala de estar, (1º andar) sala de reuniões.
2 WC,                (1º andar) masculino, (R\c.) Feminino.
1 Cozinha,         R\c.
1 Escritório,      R\c.
Garagem,         espaço coberto para variadas actividades ocupacional.
Cave,                lavandaria e armazenamento de géneros alimentares.
Jardim,           espaço relvado e cimentado.
2 Escadarias,  1 interior e 1 exterior.
publicado por Associação Boa Atitude às 21:37
link do post | comentar | favorito

VII – PROGRAMA SEMANAL DAS REUNIÕES TERAPEUTICAS

VII – PROGRAMA SEMANAL DAS REUNIÕES TERAPEUTICAS
 
REUNIÃO DE AUTO-AJUDA
Estas reuniões juntam um grupo de pessoas com problemas comuns (toxicodependência, hábitos, costumes e vícios, etc.) procurando entre si a compreensão para os seus problemas e confrontos, com o apoio mútuo de busca de soluções.
REUNIÃO DE GRUPOS DE EVOLUÇÃO
Os utentes inter-ajudam-se, através do conhecimento mútuo já existente, apresentando pessoalmente as suas dificuldades e situações, escutando as respectivas críticas construtivas e soluções para situação de cada um, cambiando assim hábitos, costumes e vícios anteriormente adquiridos em vivências menos construtivas.
Estas reuniões são sempre conduzidas pelos técnicos e monitores da Instituição.
REUNIÃO GERAL
Nestas reuniões estão presentes todos os residentes, batendo assuntos de interesse para todos, como por exemplo, a melhoria das condições para o bem-estar geral.
Podem ainda ser abertos debates sobre temas diversos que contribuam para o conhecimento entre si, de todos os elementos (troca de experiências partilha de conhecimentos), que contribuam para a aprendizagem e desenvolvimento cultural de todos.
REUNIÕES PSICOLÓGICAS INDIVIDUAIS
O acompanhamento psicológico junto dos utentes, tem como objectivo principal, dotá-los de mecanismos psíquicos necessários, para que se sintam capazes de se adaptarem à situação que actualmente vivem, por outro, desenvolverem a sua auto-ajuda e assim se prepararem gradualmente para uma futura reinserção, munidos de auto-conhecimento, auto-valorização e auto-estima, conscientes das suas capacidades e dos seus limites.
REUNIÃO DE ORGANIZAÇÃO / GESTÃO SEMANAL
Têm por objectivo organizar a semana nos variados sectores de actividades e de responsabilidades, imprescindíveis ao bom funcionamento do Centro.
publicado por Associação Boa Atitude às 21:36
link do post | comentar | favorito

VI – PROGRAMA TERAPÊUTICO

VI – PROGRAMA TERAPÊUTICO
Bio-psico-social Evolutivo
Promover a mudança de atitude e o bem-estar dos utentes, através do apoio psicológico individual e da interajuda das terapias de grupo.
 
1ª FASE – ACOLHIMENTO Adaptação, confiar, aceitar a ajuda, tomar conhecimento; familiarização com as normas, com o funcionamento e com o grupo, (envolvimento será dar-se a conhecer e conhecer os outros).
2ª FASE – ACOMPANHAMENTO Preparação para a acção actuar/ agir/ interagir. Distribuição de tarefas e responsabilidades no grupo e em casa.
3ª FASE – DELEGADOS   Do próprio grupo e dos grupos anteriores, criando autonomia, auto-valorização, auto-conhecimento das suas capacidades e limitações, assim como responsabilidade pelo meio social que habitem.
4ª FASE – CONSELHEIRO OU MONITOR Preparação para a reinserção social e, ou comunitária.
NOTA: O processo de reinserção não se inicia apenas por vontade própria do utente, carece do parecer da equipa técnica.
publicado por Associação Boa Atitude às 21:35
link do post | comentar | favorito

V – TAREFAS E ACTIVIDADES

V – TAREFAS E ACTIVIDADES
 
1- MANUTENÇÃO e GESTÃO do CENTRO
- TAREFAS ROTATIVAS / POR ESCALA: Refeitório, higiene e lavandaria: 2 ou mais elementos.
- MANUTENÇÃO / REPARAÇÃO: Sempre que as instalações e os equipamentos exijam cuidados, mantendo assim em bom estado o espaço comunitário e a sua funcionalidade.
- TAREFAS PESSOAIS: Cada um é responsável pela limpeza do seu espaço e dos seus bens.
Ex: quartos, roupas, etc.
- TAREFAS ATRÍBUIDAS: Gestão e manutenção de sectores.
Ex: gestão de stocks e armazenamento de produtos alimentares, de higiene, materiais de actividade, etc.
2 - ACTIVIDADES OCUPACIONAIS
- TERAPEUTICAS: Destinam-se a manter a pessoa ocupada, desenvolvendo a sua capacidade criativa, imaginação e o gosto por realizar/desenvolver uma actividade, o que pode ser estímulo da auto-estima e valorização pessoal, reestruturação em termos de hábitos, como o cumprimento de objectivos, horários, criando e desenvolvendo também aptidões, capacidades e competências, através da troca conhecimentos nos mais variados domínios.
- DE GRUPOS: Pretendem estimular a participação e a iniciativa individual em dinâmicas de grupo, através da interacção de todos intervenientes, realizando mais união e amizade nos grupos de evolução.
- FORMATIVAS: Cursos de Formação e Qualificação Profissional, com o objectivo prepararem o utente para o mercado de trabalho.
3 – ACTIVIDADES RECREACTIVAS: Espaço para a leitura, escrever uma carta, televisão, jogos, filmes, etc.
publicado por Associação Boa Atitude às 21:34
link do post | comentar | favorito

IV – NORMAS INTERNAS

IV – NORMAS INTERNAS
NORMAS DE CONDUTA
 
1.       A VIOLÊNCIA FÍSICA OU VERBAL ESTÃO PROÍBIDAS, ASSIM COMO A PROMISCUÍDADE DE QUALQUER TIPO E AINDA QUAISQUER ACTOS OU ATITUDES QUE PREJUDIQUEM TERCEIROS.
2.       PROMOVER E CONTRIBUIR PARA O BEM ESTAR GERAL, O LEMA:”NÃO FAÇAS OUTROS O QUE NÃO GOSTARIAS QUE TE FIZESSEM A TI“ DEVE SER ADOPTADO POR TODOS, ASSIM COMO A INTERIORIZAÇÃO DE NORMAS E PADRÕES DE CONDUTA IMPRESCINDÍVEIS PARA UM BOM RELACIONAMENTO EM SOCIEDADE. DEVE MANTER-SE O RESPEITO POR SI PROPRIO, PELOS OUTROS E PELO ESPAÇO QUE CO-HABITAM.
3.       OS DIÁLOGOS SOBRE DROGAS, ALCOÓL E OUTRAS VIVÊNCIAS NEGATIVAS DEVEM SER EVITADOS, CONSIDERANDO-SE NEGATIVOS PARA TODOS. ESTES ASSUNTOS TERÃO O SEU ESPAÇO PRÓPRIO EM REUNIÕES OU NO ACONSELHAMENTO INDIVÍDUAL COM UM CONSELHEIRO OU COM UM TERAPEUTA.
4.       RESPEITAR AS NORMAS DE FUNCIONAMENTO E A TODAS AS PESSOAS, DENTRO OU FORA DAS INSTALAÇÕES, DURANTE A PERMANÊNCIA NO CENTRO DE ACOLHIMENTO OU NO APARTAMENTO DE REINSERÇÃO.
NORMAS DE FUNCIONAMENTO
 
1.       CUMPRIR COM OS HORÁRIOS, TAREFAS E RESPONSABILIDADES PROPOSTAS OU ATRIBUÍDAS.
2.       SÃO PROÍBIDAS AS DROGAS, ÁLCOOL E OUTRAS SUBSTÂNCIAS QUE ALTEREM O ESTADO DE CONSCIÊNCIA.
3.       AS SAÍDAS E AS VISITAS DURANTE A FASE DE ACOLHIMENTO SÃO SEMPRE ACOMPANHADAS E AUTORIZADAS PELO CONSELHEIRO.
4.       A MANUTENÇÃO DAS INSTALAÇÕES ESTÁ A CARGO DE TODOS: O RESPONSÁVEL PELA DETERIORAÇÃO OU INUTILIZAÇÃO DE UM EQUIPAMENTO SERÁ RESPONSÁVEL POR O REPARAR.
5.       A POSSE DE DINHEIRO PESSOAL É CONDICIONADA À AUTORIZAÇÃO DO CONSELHEIRO RESPONSÁVEL.
6.       CASO O UTENTE PRETENDA ABANDONAR O PROGRAMA OU AS INSTALAÇÕES DEVE COMUNICAR A SUA DECISÃO COM PELO MENOS 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA, A FIM DE QUE POSSA PROCEDER-SE AO CONTACTO COM A PESSOA OU ENTIDADE RESPONSÁVEL PELA SUA ADMISSÃO.
7.       NA PREPARAÇÃO DA REINSERÇÃO SOCIAL E DURANTE A PERMANÊNCIA NO CENTRO DE ACOLHIMENTO, O UTENTE CONTINUARÁ A SEGUIR AS NORMAS, INCLUÍNDO AS DE SAÍDA COM ACOMPANHANTE.
8.       AS NORMAS DO APARTAMENTO DE REINSERÇÃO SÃO AS MESMAS DO CENTRO DE ACOLHIMENTO, À EXCEPÇÃO DAS SAÍDAS.
 (CONTACTOS COM O EXTERIOR), VISITAS, TELEFONEMAS e CORRESPONDÊNCIA.
publicado por Associação Boa Atitude às 21:31
link do post | comentar | favorito

III – TERAPIA

III – TERAPIA
OBJECTIVOS
1 - Promover uma pedagogia de cidadania, não assistêncialista, ajudando as pessoas a ter acesso aos seus direitos sociais legítimos e a tomarem consciência do seus deveres.
2 - Promover uma mudança de atitude relativamente ao seu próprio bem-estar Bio-psico-social, através de um acompanhamento individual e de grupo (apoio psicológico individual e inter-ajuda de grupo).
3 - Pôr em prática a inter-ajuda e fomentar a Auto-ajuda, através das terapias de grupo, nas quais a partilha de problemas comuns é curativa e contribui para o processo evolutivo.
4 - (Re) aprendizagem de forma de vida saudável e socialmente integradoras. Aprender a viver em grupo, em comunidade, em sociedade.
5 - Desenvolver o sentido de responsabilidade e criar autonomia, através da atribuição de tarefas e responsabilidades no grupo e em casa.
6 - (Re) estruturação de ideias, comportamentos, afectos e adequação dos mesmos à realidade. Aprender a gerir adequadamente os conflitos pessoais e interpessoais.
NOTA: Duração média aconselhável do programa 10 a 20 meses.
Dependente da evolução pessoal de cada utente, visto cada pessoa ser um mundo diferente.
publicado por Associação Boa Atitude às 21:27
link do post | comentar | favorito

II – EQUIPA TÉCNICA

II – EQUIPA TÉCNICA
SECTOR CLÍNICO
Psicóloga – Dr.ª Sílvia Lopes Ribeiro
SECTOR DE ORIENTAÇÃO E APOIO
Coordenador –João Leitão, Isabel Araújo, Jorge Rui Almeida
publicado por Associação Boa Atitude às 21:25
link do post | comentar | favorito

I – HISTORIAL da ASSOCIAÇÃO

I – HISTORIAL da ASSOCIAÇÃO

 

Constituída no Cartório Notarial de Caminha, LV. N.º 62-D, de 2001-10-30.

Registo de inicio de actividade no M. Finanças de Caminha, de 2001-10-30.

Publicada no Diário da Republica n.º 299, III Série, de 2001-12-28.

 

Registada a Alteração dos Estatutos no Cart. N. de Caminha, para reverter a forma de Associação de Solidariedade Social, LV. N.º 126-D, de 2004-04-29.

Publicada no Diário da Republica n.º 129, III Série, de 2004-06-02.

publicado por Associação Boa Atitude às 21:23
link do post | comentar | favorito

.Setembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds